Categorias do Sake

 
DAIGUINJO | 大吟醸
 
Uso de 50% ou menos do arroz
Confere um sake mais delicado, bem aromático, de um grau de dificuldade na produção, pois a parte externa do arroz onde se encontra as proteínas e fibras são descartadas, o que se perde a proteção do núcleo. Toda a estrutura da fábrica é refrige rada, para que as bactérias nocivas não contaminem a bebida.

 

As características aromáticas dessa categoria de sake, lembram muito um melão bem doce, maçã, pêra, lichia ou banana. Alguns podem sentir o mamão, água de côco, aniz, erva-doce, erva cidreira, etc.

Para este nível de sake, só se pode polir o arroz do grupo Sakamai, grão específicos para a produção de sake.

 

 

GUINJO | 吟醸 

 

Uso de 51% à 60% do Arroz

 

Chamado no exterior de Sake Premium, enquanto o Daiguinjo de Super Premium, o Guinjo, são bem mais apreciados pelo povo japonês, por custar um pouco menos que Daiguinjo, mas pode apreciar um excelente sake.

 

Apresenta as características bem semlehantes ao Daiguinjo, porém mostra-se um pouco mais ácido e seco.

 

 

TOKUBETSU | 特別

 

Há 2 condições para se nomear um sake Especial. Falamos sobre o polimento do arroz e já vimos que há 2 grupos de arroz, o Sakamai e o Shokumai que é o arroz que consumimos na mesa. 

 

Na 1º condicão é: O uso de 60% ou menos do arroz Shokumai. Ou seja, se o produtor usar grãos comuns para preparar o sake e descartar mais de 40%, ele ganha o direito de uso desta categoria. Poderia tornar um sake Guinjo ou Daiguinjo? Lembremos que para ser um sake premium, devem usar apenas o Sakamai.

 

2º Condição é: Independente do polimento do arroz, mas se eu usar 100% de grão Sakamai (sem blend), também ganha se o direito de utilizar o nome de Especial. Um exemplo. Se eu usar 70% desse arroz, por ter grãos mais nobre, vira um sake Tokubetsu.

 

 

HONJOUZOU | 本醸造

JUNMAI | 純米

 

São os sakes mais para o dia-a-dia, que se pode tanto beber quanto harmonizar, não que os sakes acima não possam. Apresentam aromas mais discretos que os premium e sabores mais complexos, ricos em aminoácidos, bem saborosos. Aqui o uso do grupo de arroz, pode variar. Uso somente de Shokumai, Blend de Shokumai e Blend de Shokumai com Sakamai.

 

OBS: Os termos HONJOUZOU e JUNMAI, quando falamos de Categorias de Sakes, apontam para Sakes Tradicionais. Quando falamos de TIPOS de sakes, eles mudam os significados, que você irá conferir logo abaixo.

Para este nível de sake, só se pode polir o arroz do grupo Sakamai, grão específicos para a produção de sake.

Pague com
  • PagSeguro
Selos
  • Site Seguro

ADEGA DE SAKE - CNPJ: 17.822.132/0001-00 © Todos os direitos reservados. 2019

Siga-nos no Instagram